O Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac) foi oficialmente criado no dia 10 de janeiro de 1946, pois foi nessa data que o Governo Federal autorizou a criação de escolas por todo o país com o objetivo de desenvolver mão de obra qualificada para o mercado de trabalho bem como melhorar e atualizar as organizações ou empresas para facilitar a implementação dessa mão de obra.

Dentre as estratégias aplicadas pelo Senac na busca pelo seu objetivo, estão algumas como as ações educacionais e a disseminação de conhecimentos nos mais variados segmentos.

Estima-se que o Senac tenha preparado mais de 40 milhões de brasileiros durante todo o seu período de atividade aqui no Brasil. Está presente em todos os estados, em 1 850 municípios, e possui ainda dois hotéis escola no estado de São Paulo, e a nível nacional está com uma média anual de capacitação próximo de 1,8 milhões de pessoas.

Disponibilização de 80 vagas e bolsas de 20%

O Senac (serviço nacional de aprendizagem comercial) de Rio Preto, situada no estado de Minas Gerais irá disponibilizar nessa quarta-feira, dia 19 de agosto, aproximadamente 80 vagas para cursar o ensino médio integrado com um curso técnico em informática para alunos que se interessarem.

Dentre essas 80 vagas que serão disponibilizadas, cerca de 18 possuirão um desconto total do curso em 20%. As inscrições podem começar a serem realizadas a partir das 12 horas (meio dia) do dia 19 de agosto.

O desconto de 20% na mensalidade pode ser obtido por alunos e ex-alunos de escolas públicas e beneficiários de programas sociais providos pelo governo, como o bolsa família, por exemplo.

O início das aulas está previsto para o mês de janeiro do próximo ano, 2021, porém devido a pandemia que foi gerada pela Covid-19 esta data pode, inclusive, sofrer alterações mesmo que algumas matérias e aulas possam ser disponibilizadas de maneira virtual.

Quem pode se inscrever

Alunos que estão no nono ano do ensino fundamental são o público principal do curso. Após a conclusão do ensino fundamental uma grande parcela de alunos busca por uma qualificação técnica juntamente o ensino médio, pois atualmente a grande concorrência no mercado de trabalho obriga a parcela de alunos que não pretendem ir para a faculdade, a fazerem pelo menos um curso técnico, o que já aumenta significativamente a chance de conseguir um emprego, mesmo que ele não esteja diretamente relacionado com a área ou o segmento de formação.

além desse público vindo diretamente do ensino fundamental, existem outros interessados em fazer o curso técnico integrado ao ensino médio que são aqueles que por algum motivo, não tenham cursado o ensino médio parcial ou integralmente. Atualmente cerca de 52,6 % da população nacional com mais de 25 anos não possui o ensino médio completo, o que representa mais da metade das pessoas.

Este triste cenário se reflete na renda e qualidade de vida da população, obviamente a grande maioria dessas pessoas que não possuem o ensino médio completo em seu currículo ganham menos do que as pessoas que concluíram o ensino médio. Além disso, vai acompanhada ainda a dificuldade de arranjar um emprego com condições mais igualitárias.

Como funciona a dinâmica da divisão das turmas:

Para este público que possui essa lacuna educacional, o curso oferece também os 20 % de desconto se forem beneficiários de programas sociais como o Bolsa Família, por exemplo. Devemos ter em mente que esses adultos sem o ensino médio não estudam a cerca de algum tempo, seja devido ao abandono da vida escolar por opção ou ainda por obrigação.

Obviamente a velocidade de assimilação tende a ser mais lenta do que os alunos que vem diretamente do ensino fundamental. Justamente por motivos nesse segmento, são realizadas as criações de turmas separando esses dois tipos de alunos.

Esse tipo de segregação pode ser visto por muitos como algo ruim que incentiva o preconceito com quem possui um grau de escolaridade mais baixo, porém nesse tipo de caso é mais que fundamental, inclusive é recomendado devido a probabilidade de diminuir o rendimento das aulas atrapalhando a dinâmica das atividades.

Devido a experiências neste tipo de fato, atualmente quase que a totalidade das instituições responsáveis pelos cursos disponíveis no mercado, possuem essa dinâmica de separação desse tipo de público e comprovam que existe sim resultado, pois em muitos casos se observava que os alunos que estavam afastados das salas de aulas não somente diminuíam a velocidade do andamento das aulas como também de certa maneira dificultavam o entendimento dos alunos que vinham diretamente das salas de aula.

Mas de maneira alguma os alunos que estão retornando as salas devem ser menosprezados, desmotivados ou ainda serem tratados como um peso para as aulas, apenas necessitam de um tratamento e abordagem diferente daquela que é empregada em alunos convencionais.

A matéria do curso

Dentre as matérias e conteúdo que serão repassados no curso técnico estão alguns ensinamentos relacionados a habilitação em hardware, o que consiste na montagem, desmontagem e limpeza das peças físicas do computador.

Além de é claro, toda a parte de software que se inicia desde a configuração do computador com a instalação do sistema operacional, formatação, limpeza de dados, operação em redes locais de internet e a realização da manutenção de maneira geral e o desenvolvimento de aplicativos para o uso no computador.

Como o curso é integrado ao ensino médio, além das matérias do curso é obrigatório a instituição repassar os conteúdos do ensino médio sem qualquer dolo ou prejuízo para o aluno. Ou seja, o ensino médio não deve ser afetado de maneira negativa pelo curso técnico e sendo assim o aluno deve aprender integralmente o conteúdo repassado nas escolas convencionais.

O Senac inclusive se compromete com a instrução do ensino médio de qualidade dizendo que a prática pedagógica irá preparar os alunos para o ENEM (Exame Nacional do Ensino Médio).

Para realizar a busca pela inscrição basta digitar no seu navegador padrão de pesquisas por “curso técnico Senac com 20% de desconto em Rio Preto”